logo
Duis autem vel eum iriure dolor in hendrerit in vulputate velit esse molestie consequat, vel illum dolore eu feugiat.
BRASÍLIA,  SÃO PAULO E RIO DE JANEIRO
 

Sem mágica: práticas para melhorar o desempenho nas redes sociais

Seguidores, muitos seguidores. Esse é o objetivo da maior parte das marcas que estão presentes nas redes sociais. Entre curtidas com números expressivos e páginas extravagantes, uma coisa é evidente: falta qualidade nesse público, que muitas vezes, nem é o alvo da empresa.

Esse fenômeno tem chamado a atenção entre os especialistas de marketing digital, porque representa uma velha conhecida da publicidade. Um público que não vai consumir, não vai interagir com o conteúdo e nem mesmo vai converter vendas ou cliques. Isso tudo é, na verdade, reflexo de práticas nocivas que ocorrem nas redes sociais.
Comprar seguidores pode ser uma forma de aumentar a expressividade quantitativa da sua página. Às vezes, esse volume pode ajudar no impacto visual de sua marca, mas em hipótese alguma esses valores irão refletir na qualidade final do seu processo de comunicação.

Aqui na agência, por exemplo, já resgatamos alguns clientes que, em algum momento, compraram seguidores e, posteriormente, tiveram que lidar com os impactos negativos disso – muitos seguidores nem mesmo eram brasileiros, ou falavam português (sem falar na enorme quantidade de spam nos comentários de suas publicações).

O trabalho de “limpeza” das páginas certamente foi mais complexo do que se, desde o começo, o cliente tivesse à disposição uma consultoria séria, como a de uma agência. A G3 oferece o serviço de análise das suas redes sociais e pode te ajudar a planejar campanhas estratégicas e atingir o seu público alvo.

A primeira coisa que precisamos fazer é alinhar a sua imagem ao público de interesse. Um público sofisticado, não vai curtir uma publicação que não seja igualmente sofisticada e, por isso, desde o conteúdo, até a direção de arte, a estética precisa ser pensada por profissionais preparados para estabelecer quem é seu público e o que ele quer ver em seu feed.

Estar sempre atento às tendências dos seus concorrentes é parte do trabalho da agência, e é uma das técnicas que usamos para analisar se o padrão de qualidade está elevado, buscando sempre superar a marca concorrente em interatividade e conversão. Desta forma, nunca perdemos o timing e você não fica para trás nas novidades do seu setor.

Há diversas ferramentas disponíveis nas redes sociais para programação de campanhas. Algumas permitem direcionar o interesse, como aumentar seguidores, por exemplo. Conhecer o funcionamento dessas ferramentas e como programar essas campanhas, além de definir muito bem quem são as pessoas que você quer atingir, pode fazer toda a diferença.

Por fim, é importante ter os pés no chão e lembrar de duas coisas muito importantes, que derrubam as soluções mágicas vendidas por alguns profissionais duvidosos: o crescimento orgânico, ou seja, gratuito, nas plataformas sociais é muito baixo; isso significa que é quase impossível ter resultados expressivos em médio prazo sem investimento e, além disso, é preciso saber administrar corretamente os recursos, para que ele não se perca em públicos que não são do seu interesse – isso justifica a necessidade de uma consultoria. Você pode pedir o seu orçamento clicando aqui.

Com essas práticas, o seu desempenho nas redes sociais tende a melhorar em médio prazo, impactando diretamente os resultados que você deseja para a sua marca. Surgiu alguma dúvida ou sugestão? Comente aqui embaixo e, se você gostou do conteúdo, não deixe ele morrer, compartilhando nas redes sociais!


Comente esse Post na G3