logo
Duis autem vel eum iriure dolor in hendrerit in vulputate velit esse molestie consequat, vel illum dolore eu feugiat.
BRASÍLIA,  SÃO PAULO E RIO DE JANEIRO
 

Cinco curiosidades sobre a cidade maravilhosa

Se tem uma face que representa o Brasil em todo o mundo, essa face é o Rio de Janeiro. Com 454 anos, a cidade possui muitos títulos, mas o que mais se destaca é sem dúvida o de ser Maravilhosa. Ex-capital do país, hoje é casa da cultura, da arquitetura, do turismo, do Cristo, das belezas naturais e das belas paisagens, do verão ensolarado e dos 40 Cº, no termômetro e no coração do seu povo. Mas, uma cidade tão antiga, obviamente carrega milhares de curiosidades que provavelmente você não conhece. Sabendo disso, separamos cinco delas para você comemorar conosco o aniversário do Rio!

1- Capital mundial da arquitetura
A arquitetura do Rio de Janeiro é versátil como só ela. Entre as montanhas e o mar, a cidade se impõe do clássico ao art nouveau. Não por menos, a UNESCO escolheu, em janeiro deste ano, o Rio de Janeiro como a Capital Mundial da Arquitetura. Uma grande responsabilidade para uma cidade que representa a integração entre o homem e a natureza.

2- Capital de um império poderoso
Antes mesmo da república, o Rio de Janeiro já foi capital de um dos impérios mais poderosos das grandes navegações. Pelo mundo, muitas pessoas acha que o Rio ainda é a capital do Brasil, por sua presença diante da produção cultural e de sua vocação turística, mas o que poucos sabem é que o Império Português teve sua sede estabelecida no Rio de Janeiro em 1808, com a fuga da família real da invasão napoleônica.

3- O Cristo Redentor também é maravilhoso
Você já ouviu falar das sete maravilhas do mundo moderno? Entre grandes monumentos arquitetônicos, está a estátua produzida em pedra sabão no século passado e posicionada no topo do Corcovado, a 709 m de altitude. O Cristo tornou-se um monumento icônico, atraindo turistas do mundo todo.

4- O hino oficial da cidade é uma marchinha
O hino oficial da cidade do Rio de Janeiro não poderia ser outro; em meio às inaugurações arquitetônicas e artísticas dos anos 30, o compositor André Filho escrevia o que viria a ser a marchinha mais representativa para o Rio. O hino entoa “Cidade Maravilhosa, cheia de encantos mil, Cidade Maravilhosa, coração do meu Brasil”. É tão conhecido, que é praticamente impossível ler sem cantar mentalmente a canção.

5- Natureza a perder de vista
A natureza está por toda parte no Rio de Janeiro, se integrando às construções dos bairros residenciais e das comunidades icônicas da cidade. Uma reserva expressiva de Mata Atlântica somada a mais de 100 ilhas que acompanham as margens da cidade ao longo de suas baías. Algumas destas ilhas são habitadas, como a Ilha do Governados – local que abriga o Aeroporto Internacional Tom Jobim e a Cidade Universitária da UFRJ – e Paquetá, lugar romântico banhado pelas águas da Guanabara. Outra ilha icônica é a conhecida Ilha das Cobras, que abriga o Arsenal da Marinha do Rio de Janeiro.

Há muito a se falar sobre o Rio de Janeiro, que hoje é uma metrópole representativa, nacional e internacionalmente, se impondo entre as maiores do mundo. Se o poeta Manuel Bandeira me permitir, este é o Rio de Janeiro, agora de quatrocentos – e cinquenta e quatro – janeiros. Se você gostou do conteúdo, compartilhe nas redes sociais. Sabe de mais alguma curiosidade que não citamos aqui? Comente aqui embaixo!


Comente esse Post na G3